Fontes do The Hollywood Reporter apontam que Breaking Bad deve ganhar um longa com roteiro de Vince Gilligano criador da série. No entanto, ainda não ficou claro se o filme será transmitido pela TV a cabo ou nos cinemas e  também não foi agendada nenhuma data de lançamento para o mesmo.

Gilligan será o produtor executivo e roteirista do filme. Existe uma possibilidade em que ele também dirija a produção; mas nada foi confirmado ainda. Mark Johnson e Melissa Bernstein — ambos de Breaking Bad e do prelúdio Better Call Saul — estão como produtores principais.

Estão agendadas gravações para começar neste mês ainda na cidade de Albuquerque, no Novo México, segundo arquivos do escritório de filmes do estado. A sondagem do instituto afirma que essa é um produção mais intimista, que deve empregar 300 pessoas da equipe técnica, 16 atores e 450 pessoas da equipe de apoio.

Poucos detalhes foram divulgados por essas fontes e não se tem informações sobre a possível presença dos atores originais, Aaron Paul e Bryan Cranston, no longa. A presença de Paul e Cranston não é nem de longe certeira, no entanto, ambos os atores tem suas agendas livres neste período, em que o filme será gravado — deixando assim uma possibilidade em aberto.

Até o momento, o filme tem como o título-projeto “Greenbier” para não deixar indícios, mas o departamento de filmes do Novo México divulgou uma curta (e confusa) sinopse. O que mostra que essa manobra de disfarce não está dando tão certo. Segundo o texto:

Greenbrier vai mostrar a fuga de um homem sequestrado e sua busca pela liberdade.

Breaking Bad estreou em 2008. 

Todas as temporadas estão disponíveis na Netflix.

FONTE